SARA MARIA BREHM PADILHA

Perfil

Descrição

Advogada atuante e consultora jurídica com experiência nas áreas cível, empresarial, família e sucessões há 20 anos; tem atuação no Tribunal de Justiça de Santa Catarina e nas Cortes Superiores de Justiça, mediante a interposição de recursos, apresentação de memoriais e sustentação oral.
Possui qualificação para atuar de maneira colaborativa e interdisciplinar (advocacia colaborativa) devidamente qualificada em 2018 pelo IBPC (Instituto Brasileiro de Práticas Colaborativas) em casos de família, sucessões e sociedades empresárias familiares. Possui parcerias com vários escritórios de advocacia; atendendo especialmente os clientes destes na área de família e sucessões.
Membro da Comissão Nacional de Direito de Família e Sucessões do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (CFOAB).
Membro da Comissão Nacional de Práticas Colaborativas do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (CFOAB).
Graduada em Direito pela Universidade Regional de Blumenau – FURB. Pós-Graduada em Direito Empresarial Universidade Regional de Blumenau – FURB. Pós-Graduada em Direito Processual Civil Universidade Regional de Blumenau – FURB. Pós-Graduada em Direito em Direito Penal e Processual Penal pela Universidade do Vale do Itajaí – UNIVALI. Pós-Graduada em Direito das Famílias e Sucessões pela Faculdade CESUSC. Estudou na Escolas do Ministério Público e da Magistratura de Santa Catarina.
Membro do Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM).
Tesoureira do IBDFAM/SC (Instituto Brasileiro de Direito de Família e Sucessões) de Santa Catarina (gestão 2020-2021)
Participa ativamente da Diretoria do Instituto Brasileiro de Direito de Família de Santa Catarina (IBDFAM/SC), desde 2007.
Instalou e foi Presidente do Núcleo de Blumenau do IBDFAM/SC.
Participou da Comissões da Diversidade Sexual da OAB de Santa Catarina, instalou e presidiu a de Blumenau.
Recebeu em março do ano de 2019 – Moção de Louvor da Câmara de Vereadores de Blumenau, Santa Catarina, pelos seus trabalhos no Instituto Brasileiro de Direito de Família IBDFAM e a favor dos direitos LGBTI.
Atualmente é pesquisadora no grupo de pesquisa em Direito de Família e Sucessões da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).